"> COMENTANDO... O Jornalista - Conexão Três Pontas

DENGUE SEGUE CONTAMINANDO; MINAS JÁ TEM MAIS DE 60 MIL CASOS: NOVA MORTE REGISTRADA NO SUL DO ESTADO

Brasil já tem mais de meio milhão de casos de dengue em 2020. Os anos passam e Minas Gerais continua perdendo vidas por causa da dengue. Desta vez, o óbito foi registrado na cidade de Guaxupé, na Região Sul do estado. Ao mesmo tempo em que registrou mais uma morte, Minas Gerais rompeu a marca, este ano, dos 60 mil casos prováveis da doença. A soma dos suspeitos aos confirmados alcançou o número de 61.000 no estado. A cada semana são, em média, mais 5 mil novos casos de dengue. Antes da morte em Guaxupé, foram registradas vidas perdidas em

Economia: Aneel anuncia bandeira verde na conta de luz até o final de 2020

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) decidiu manter, até o fim de 2020, a bandeira verde, sem acréscimo na tarifa, na conta de luz. O anúncio foi feito nesta terça-feira (26), em reunião pública da diretoria da companhia. A medida tem caráter emergencial para aliviar a conta de luz dos consumidores e auxiliar o setor elétrico em meio ao cenário de pandemia do coronavírus. Os valores das bandeiras tarifárias, que são atualizados todos os anos, levam em consideração estimativas de mercado, inflação, projeção de volume de usinas hidrelétricas, histórico de operação do Sistema Interligado Nacional, além dos valores e limites

AgroCP conquista Selo Verde de produto amigo da natureza

O prêmio, certificado oficial Selo Verde, é concedido pelo Instituto Chico Mendes e mostra que a empresa tem comprometimento com a sustentabilidade e o meio ambiente. “O selo verde é uma certificação sócio ambiental confirmando que estamos no caminho certo para a criação de uma companhia cada vez mais compromissada com o desenvolvimento sustentável” – afirma José Carlos de Oliveira, engenheiro agrônomo Agro CP. Para conseguir o Selo Verde, a empresa passou por um processo de seleção que englobou a auto avaliação por meio de um questionário, visita técnica e um parecer final. “Por meio da inovação tecnológica o respeito

EXCLUSIVO: Maioria dos contaminados “oficialmente” pelo coronavírus em Três Pontas tem menos de 60 anos

Covid-19 tem atingido pessoas de praticamente todas as faixas etárias “A Covid-19 é uma doença de todos, mas que mata mais os velhos!”. Esta afirmação muito difundida nos meses iniciais de transmissão do coronavírus em todo mundo está cada vez mais se tornando uma verdade absoluta. Isso porque a pandemia tem contaminado pessoas de praticamente todas as faixas etárias. Aqui em Três Pontas a maioria dos infectados não está no chamado “grupo de risco dos idosos”, embora, segundo especialistas a amostragem seja ínfima, insuficiente para se chegar a alguma conclusão mais precisa. Mundo A Covid-19 não é uma doença de

Frio: Temperaturas caem ainda mais no Sul de Minas

CONFIRA A PREVISÃO ATÉ DOMINGO EM TRÊS PONTAS. A  grande forte massa de ar frio de origem polar que se espalhou sobre o Brasil continua fazendo a temperatura baixar muito no Sul no Sudeste e também no Centro-Oeste do país nesta quarta-feira. Podem ser observados valores ainda menores do que os registrados na madrugada do dia 26 de maio. A madrugada de 26 de maio pode ser considerada a mais fria do ano, de forma geral, no estado de São Paulo,  no centro- sul e oeste de Minas Gerais,  no centro-sul de Goiás, no oeste sul do estado de Mato

COVID-19: 3 IMPORTANTES ASPECTOS DO DIREITO DE FAMÍLIA DURANTE A PANDEMIA

Neste artigo vamos analisar alguns aspectos do direito de família durante a pandemia, e claro, como solucioná-los. Não nos é novidade que a pandemia do coronavírus nos trouxe inúmeras preocupações, sejam financeiras ou psicológicas, ou as duas. Assim sendo, é de extrema importância que tomemos um certo cuidado com o direito de família, pois este lida com várias questões importantes, como por exemplo, o melhor interesse do filho, que é assunto do presente artigo. 1 – PENSÃO ALIMENTÍCIA Como sabemos, a pensão alimentícia é o valor pago de uma pessoa para outra, ou seja, do alimentante para o alimentando. O

Alerta: Três Pontas registra mais 2 casos de Covid-19

Já são 19 pessoas infectadas pelo coronavírus no município. A Assessoria de Imprensa da Prefeitura Municipal de Três Pontas confirmou na manhã desta quarta-feira (27) novos números, chegando ao décimo nono caso de coronavírus na cidade. Do dia 13 para cá, ou seja, nos últimos 14 dias (duas semanas) foram mais sete casos confirmados. Doze pessoas estiveram em tratamento, enquanto, infelizmente, um óbito já foi confirmado. Até o último dia 13 de maio eram 12 casos confirmados, dentre eles uma morte. E em menos de duas semanas os casos voltaram a subir e de forma acelerada. De 13 o número

Contrato com moratória na Caixa, o que isso significa?

DIANTE DA PANDEMIA DE CORONAVÍRUS  PAGAMENTO HABITACIONAL PODE SER PRORROGADO; SAIBA COMO. Pausa estendida é o mesmo que pausa moratória Devido à pandemia do coronavírus, e em virtude da perda de renda da maior parte da população, a Caixa Econômica Federal havia anunciado que as pessoas físicas poderiam solicitar a pausa estendida de até duas prestações. Posteriormente, este período foi ampliado, permitindo a pausa de até 90 dias, o que equivale a deixar de pagar até quatro prestações. A solicitação devia ser feita por meio do aplicativo Caixa Habitação. Todos aqueles que solicitaram a pausa dos seus contratos habitacionais, procederam com

‘Brasil não será um epicentro, e sim um exemplo’, afirma Nise Yamaguchi

A médica oncologista e imunologista, Nise Yamaguchi, cotada para assumir a pasta da saúde, defende  uso da hidroxicloroquina em casos leves de coronavírus. Ela falou sobre o protocolo de adoção da substância, apresentado pelo presidente Jair Bolsonaro, que levou o ex-ministro Nelson Teich a pedir demissão do cargo. Yamaguchi atualmente assessora o comitê de crise do governo contra o coronavírus. E no mesmo dia em que o ex-ministro Nelson Teich se reuniu com Bolsonaro para comunicar sua saída, a médica também tinha uma reunião agendada com o presidente. O encontro se deu em um almoço, após Teich ter pedido para

DEPUTADO FEDERAL DIEGO ANDRADE DEIXA HOSPITAL APÓS SE TRATAR COM CLOROQUINA CONTRA A COVID-19

Após alguns dias no Hospital Mater Dei, em Belo Horizonte, o líder do PSD na Câmara Federal, majoritário em Três Pontas, deputado Diego Andrade foi na manhã desta segunda-feira (25) para sua casa onde continuará o tratamento contra o coronavírus. Em um vídeo gravado pelo próprio parlamentar, ele revela estar bem e ter sido tratado com o coquetel que inclui Cloroquina. Moradores de Santana da Vargem se mostraram preocupados com o fato do deputado federal Diego Andrade, possivelmente já contaminado, ter participado de uma festa de casamento naquela cidade onde cerca de 50 pessoas estiveram presentes, segundo leitores do Conexão.

DEPUTADO “TRESPONTANO” DIEGO ANDRADE ESTÁ HOSPITALIZADO COM CORONAVÍRUS, diz colunista de O Globo

De acordo com o colunista de O Globo, Lauro Jardim, o deputado federal Diego Andrade, majoritário em Três Pontas, está internado em Belo Horizonte, no Hospital Mater Dei, com Covid-19. Ainda conforme a publicação, Diego Andrade, líder do PSD na Câmara, estaria fazendo tratamento com Cloroquina. Nossa reportagem fez contato com várias pessoas ligadas diretamente do deputado Diego Andrade. A informação que apuramos é que ele está bem, está se recuperando e deve continuar seu tratamento em isolamento domiciliar a partir desta segunda-feira. Atualização O assessor Luiz Antônio Diniz, popularmente chamado de Baratinha, não confirmou que a internação do deputado

Vacinação contra Febre Aftosa está mantida, informa o IMA

O Instituto Mineiro de Agropecuária – IMA, confirmou nesta semana que o calendário de vacinação contra a febre aftosa está mantido! O produtor rural deve ficar atento aos prazos. A primeira etapa da campanha começou no dia 1° de maio e vai até o dia 30 de junho. Conforme o cronograma, deverão ser imunizados bovinos e bubalinos de todas as idades. O Escritório Seccional de Três Pontas se encontra fechado por motivo da pandemia de Covid-19. Também e possível declarar a vacina via Portal do Produtor e no site www.ima.mg.gov.br. O produtor que tiver dificuldade ou dúvida pode ir ao

COMENTANDO… O Jornalista

Começo invocando o nosso Mestre Gabriel Garcia Márquez: “Porque o jornalismo é uma paixão insaciável que só se pode digerir e humanizar mediante a confrontação descarnada com a realidade. Quem não sofreu essa servidão que se alimenta dos imprevistos da vida, não pode imaginá-la. Quem não viveu a palpitação sobrenatural da notícia, o orgasmo do furo, a demolição moral do fracasso, não pode sequer conceber o que são. Ninguém que não tenha nascido para isso e esteja disposto a viver só para isso poderia persistir numa profissão tão incompreensível e voraz, cuja obra termina depois de cada notícia, como se fora para sempre, mas que não concede um instante de paz enquanto não torna a começar com mais ardor do que nunca no minuto seguinte.”

O que é ser Jornalista? Quais os desafios, as flores e espinhos desta nobre profissão?

Hoje, 07 de abril é o dia em que o Brasil reverencia seus jornalistas, o notável profissional da arte de informar. tarefa árdua e cada vez menos prestigiada por boa parte da sociedade. Mas, inegavelmente, o Jornalista sempre ocupará seu lugar ao Sol, sempre estará ali, debaixo de chuva, de forte calor, nas favelas, nas guerras, nos becos, nas cidades, no mar e no ar, nas celebrações e nas epidemias, cobrindo tudo, noticiando, reportando, escrevendo nossa história.

Poucos conhecem de fato a arte de informar e muitos se aventuram nela. Muitos se acham jornalistas, se auto-dominam jornalistas sem terem a menor noção, conhecimento e, principalmente, amor por esta arte. Não, quem quiser ser Jornalista achando que ficará rico, está na profissão errada! O Jornalismo para quem o ama é viciante, entorpece, enlouquece, se torna algo que queima e que é pra sempre, como uma tatuagem.

Poucos sabem, mas o Jornalista, pelo menos 99% deles, enfrenta uma grande dificuldade de comprovação de renda. Vivem de propagandas, de comissões e de ganhos considerados informais. Sem falar nas permutas, tão comuns em seu universo quanto arroz e feijão num marmitex. Muitos vivem uma grande gangorra financeira. Um mês ganham muito noutro ganham bem menos. Muito penosa a missão de prosperar, de conseguir ter uma casa, um carro, uma boa conta bancária. Mas não desanimamos. O que nos move é o ideal.

Poucos enxergam essa realidade, mas o Jornalista não tem folga, não tem tempo para o lazer, para viagens. E quando, raramente, consegue uma escapada, se mantém como um médico de plantão, como um sentinela que não pode dormir, sequer cochilar, afinal de contas, um fato, uma notícia não tem hora e nem lugar pra acontecer. Nos anos 2000, conversando com a brilhante jornalista Neide Duarte (Globo, Cultura, SBT), perguntei o que sintetizava um grande jornalista. Ela, imediatamente, olhou ao meu redor e perguntou “cadê seu equipamento jornalístico (máquina fotográfica, gravador, papel, caneta, etc.)?”. Respondi dizendo que a encontrei por acaso, que não havia planejado a entrevista. Foi então que recebi o primeiro grande ensinamento do Jornalismo:

_ O grande jornalista é jornalista 24 horas por dia. Não se esqueça disso!

Trabalhamos muitas vezes com horário para começar mas quase nunca sabemos que horas iremos parar, descansar. As vezes a jornada é dobrada, vira a noite, vara a madrugada. Tudo pelo amor indelével ao Jornalismo sério e ético. Afinal, a notícia não pode esperar, não pode “envelhecer”. Sair na frente, ter um furo de reportagem é a cereja no bolo de um Jornalista.

Temos lugar na tevê, no rádio, na mídia impressa e cada vez mais na internet. Há muito campo para se trabalhar, mas também há uma concorrência desenfreada e desleal. Uma verdadeira tourada espanhola, principalmente no interior do Brasil. Fazer jornalismo em cidades pequenas é um desafio diário, é como tirar leite de pedra. É usar da criatividade, do feeling e da sagacidade frequentemente. Infelizmente muitos amadores caem de para-quedas no Jornalismo achando ser ela uma Serra Pelada. Muitos ditos profissionais desvalorizam, denigrem e prostituem a sacra santa missão de informar.

Feito um artista circense, andamos diariamente numa corda bamba. Estamos no limiar entre a execração pública e os aplausos.Como um médico que salva 99 vidas e o centésimo paciente morre nas mãos dele o torna, erroneamente, um mal médico, nós jornalistas escrevemos 99 matérias perfeitas. Mas se erramos uma palavra, se falhamos por alguma razão na número 100, nos tornamos imediatamente péssimos profissionais. Acreditem, somos criticados até por quem mal sabe escrever o próprio nome. Afinal, no Brasil muitos têm três profissões: a dele própria, a de técnico de futebol e de Jornalista.

Como se não bastasse, ainda temos, nos últimos anos, que conviver com as fake news e a desconfiança latente que salta aos olhos da opinião pública. Estamos na alça de mira, num pelotão de fuzilamento. Estamos sendo observados, julgados sumariamente. Mas é preciso que, mais uma vez, se separe o joio do trigo. Por conta das fake news temos, nós Jornalistas, que não apenas noticiar, mas provar que estamos relatando a verdade dos fatos. Uma inversão de papéis já que no Brasil, o correto seria “àquele que acusa o ônus da prova”.

Mas, pensando bem, as fake news acabaram tornando-se aliadas dos bons Jornalistas. É isso mesmo! Elas também se tornaram uma tábua de salvação aos profissionais que valorizam a nobre arte. Que apuram com rigor, que investigam com propriedade, que escrevem ou contam com discernimento e isenção. As fake news atingirão fundamentalmente aqueles que deturpam a realidade, que distorcem e inventam por interesses pessoais, ao bel prazer. Os incompetentes passarão. Quem é bom se estabelecerá. “A ética deve acompanhar sempre o jornalismo, como o zumbido acompanha o besouro”, ensinou Garcia Márquez, uma espécie de garantia..

Hoje, no Dia do Jornalista, quero largar a caneta por um instante. Estender a mão (de luva e máscara em tempos de pandemia) e cumprimentar aqueles que deixaram sua contribuição valorosa ao Jornalismo através de suas máquinas de escrever ultrapassadas. Saúdo também os novos Jornalistas, que foram forjados na modernidade tecnológica da arte de informar. Que, juntos, possamos sempre carregar a bandeira do Jornalismo ético e profissional. Que o bradado Quarto Poder se justifique e floresça, não apenas na primavera, mas nas quatro estações do ano.

Sócrates nos lembra: “Só sei que nada sei!”. Que busquemos sempre mais, sempre o conhecimento. Nunca é tarde para aprender e eu sou um exemplo disso, afinal após 28 anos de profissão me sento, com orgulho e entusiasmo, no banco de uma universidade com professores mais novos que eu e colegas de sala com idades das minhas filhas. Vale muito a pena! Jornada tripla! Vida corrida e exaustiva. mas vale a pena! No final do arco-íris poderemos encontrar um pote de ouro, a gratificante sensação do dever cumprido.

Termino parafraseando Claudio Abramo: “O jornalismo é, antes de tudo e sobretudo, a prática diária da inteligência e o exercício cotidiano do caráter.”

Minha homenagem aos meus professores Jornalistas, aos colegas de faculdade (futuros grandes Jornalistas), a todos os Jornalistas do Brasil e do mundo e, em especial, aos meus grandes inspiradores Caco Barcelos, Carlos Dornelles, Sílio Boccanera e Roberto Cabrini. Parabéns a todos nós!

Curta a página do Conexão Três Pontas no facebook

www.facebook.com/conexaotrespontas

12729255_119502638436882_132470154276352212_n

Roger Campos

Jornalista

MTB 09816

#doadorsemfronteiras

Seja Doador de Médicos sem Fronteiras

0800 941 0808

 

OFERECIMENTO

 

Sobre o autor

Reply

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm