"> POLÊMICA: Pais de alunos da zona rural vão à Câmara e ao Ministério Público contra fechamento de escolas - Conexão Três Pontas

DENGUE SEGUE CONTAMINANDO; MINAS JÁ TEM MAIS DE 60 MIL CASOS: NOVA MORTE REGISTRADA NO SUL DO ESTADO

Brasil já tem mais de meio milhão de casos de dengue em 2020. Os anos passam e Minas Gerais continua perdendo vidas por causa da dengue. Desta vez, o óbito foi registrado na cidade de Guaxupé, na Região Sul do estado. Ao mesmo tempo em que registrou mais uma morte, Minas Gerais rompeu a marca, este ano, dos 60 mil casos prováveis da doença. A soma dos suspeitos aos confirmados alcançou o número de 61.000 no estado. A cada semana são, em média, mais 5 mil novos casos de dengue. Antes da morte em Guaxupé, foram registradas vidas perdidas em

Economia: Aneel anuncia bandeira verde na conta de luz até o final de 2020

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) decidiu manter, até o fim de 2020, a bandeira verde, sem acréscimo na tarifa, na conta de luz. O anúncio foi feito nesta terça-feira (26), em reunião pública da diretoria da companhia. A medida tem caráter emergencial para aliviar a conta de luz dos consumidores e auxiliar o setor elétrico em meio ao cenário de pandemia do coronavírus. Os valores das bandeiras tarifárias, que são atualizados todos os anos, levam em consideração estimativas de mercado, inflação, projeção de volume de usinas hidrelétricas, histórico de operação do Sistema Interligado Nacional, além dos valores e limites

AgroCP conquista Selo Verde de produto amigo da natureza

O prêmio, certificado oficial Selo Verde, é concedido pelo Instituto Chico Mendes e mostra que a empresa tem comprometimento com a sustentabilidade e o meio ambiente. “O selo verde é uma certificação sócio ambiental confirmando que estamos no caminho certo para a criação de uma companhia cada vez mais compromissada com o desenvolvimento sustentável” – afirma José Carlos de Oliveira, engenheiro agrônomo Agro CP. Para conseguir o Selo Verde, a empresa passou por um processo de seleção que englobou a auto avaliação por meio de um questionário, visita técnica e um parecer final. “Por meio da inovação tecnológica o respeito

EXCLUSIVO: Maioria dos contaminados “oficialmente” pelo coronavírus em Três Pontas tem menos de 60 anos

Covid-19 tem atingido pessoas de praticamente todas as faixas etárias “A Covid-19 é uma doença de todos, mas que mata mais os velhos!”. Esta afirmação muito difundida nos meses iniciais de transmissão do coronavírus em todo mundo está cada vez mais se tornando uma verdade absoluta. Isso porque a pandemia tem contaminado pessoas de praticamente todas as faixas etárias. Aqui em Três Pontas a maioria dos infectados não está no chamado “grupo de risco dos idosos”, embora, segundo especialistas a amostragem seja ínfima, insuficiente para se chegar a alguma conclusão mais precisa. Mundo A Covid-19 não é uma doença de

Frio: Temperaturas caem ainda mais no Sul de Minas

CONFIRA A PREVISÃO ATÉ DOMINGO EM TRÊS PONTAS. A  grande forte massa de ar frio de origem polar que se espalhou sobre o Brasil continua fazendo a temperatura baixar muito no Sul no Sudeste e também no Centro-Oeste do país nesta quarta-feira. Podem ser observados valores ainda menores do que os registrados na madrugada do dia 26 de maio. A madrugada de 26 de maio pode ser considerada a mais fria do ano, de forma geral, no estado de São Paulo,  no centro- sul e oeste de Minas Gerais,  no centro-sul de Goiás, no oeste sul do estado de Mato

COVID-19: 3 IMPORTANTES ASPECTOS DO DIREITO DE FAMÍLIA DURANTE A PANDEMIA

Neste artigo vamos analisar alguns aspectos do direito de família durante a pandemia, e claro, como solucioná-los. Não nos é novidade que a pandemia do coronavírus nos trouxe inúmeras preocupações, sejam financeiras ou psicológicas, ou as duas. Assim sendo, é de extrema importância que tomemos um certo cuidado com o direito de família, pois este lida com várias questões importantes, como por exemplo, o melhor interesse do filho, que é assunto do presente artigo. 1 – PENSÃO ALIMENTÍCIA Como sabemos, a pensão alimentícia é o valor pago de uma pessoa para outra, ou seja, do alimentante para o alimentando. O

Alerta: Três Pontas registra mais 2 casos de Covid-19

Já são 19 pessoas infectadas pelo coronavírus no município. A Assessoria de Imprensa da Prefeitura Municipal de Três Pontas confirmou na manhã desta quarta-feira (27) novos números, chegando ao décimo nono caso de coronavírus na cidade. Do dia 13 para cá, ou seja, nos últimos 14 dias (duas semanas) foram mais sete casos confirmados. Doze pessoas estiveram em tratamento, enquanto, infelizmente, um óbito já foi confirmado. Até o último dia 13 de maio eram 12 casos confirmados, dentre eles uma morte. E em menos de duas semanas os casos voltaram a subir e de forma acelerada. De 13 o número

Contrato com moratória na Caixa, o que isso significa?

DIANTE DA PANDEMIA DE CORONAVÍRUS  PAGAMENTO HABITACIONAL PODE SER PRORROGADO; SAIBA COMO. Pausa estendida é o mesmo que pausa moratória Devido à pandemia do coronavírus, e em virtude da perda de renda da maior parte da população, a Caixa Econômica Federal havia anunciado que as pessoas físicas poderiam solicitar a pausa estendida de até duas prestações. Posteriormente, este período foi ampliado, permitindo a pausa de até 90 dias, o que equivale a deixar de pagar até quatro prestações. A solicitação devia ser feita por meio do aplicativo Caixa Habitação. Todos aqueles que solicitaram a pausa dos seus contratos habitacionais, procederam com

‘Brasil não será um epicentro, e sim um exemplo’, afirma Nise Yamaguchi

A médica oncologista e imunologista, Nise Yamaguchi, cotada para assumir a pasta da saúde, defende  uso da hidroxicloroquina em casos leves de coronavírus. Ela falou sobre o protocolo de adoção da substância, apresentado pelo presidente Jair Bolsonaro, que levou o ex-ministro Nelson Teich a pedir demissão do cargo. Yamaguchi atualmente assessora o comitê de crise do governo contra o coronavírus. E no mesmo dia em que o ex-ministro Nelson Teich se reuniu com Bolsonaro para comunicar sua saída, a médica também tinha uma reunião agendada com o presidente. O encontro se deu em um almoço, após Teich ter pedido para

DEPUTADO FEDERAL DIEGO ANDRADE DEIXA HOSPITAL APÓS SE TRATAR COM CLOROQUINA CONTRA A COVID-19

Após alguns dias no Hospital Mater Dei, em Belo Horizonte, o líder do PSD na Câmara Federal, majoritário em Três Pontas, deputado Diego Andrade foi na manhã desta segunda-feira (25) para sua casa onde continuará o tratamento contra o coronavírus. Em um vídeo gravado pelo próprio parlamentar, ele revela estar bem e ter sido tratado com o coquetel que inclui Cloroquina. Moradores de Santana da Vargem se mostraram preocupados com o fato do deputado federal Diego Andrade, possivelmente já contaminado, ter participado de uma festa de casamento naquela cidade onde cerca de 50 pessoas estiveram presentes, segundo leitores do Conexão.

DEPUTADO “TRESPONTANO” DIEGO ANDRADE ESTÁ HOSPITALIZADO COM CORONAVÍRUS, diz colunista de O Globo

De acordo com o colunista de O Globo, Lauro Jardim, o deputado federal Diego Andrade, majoritário em Três Pontas, está internado em Belo Horizonte, no Hospital Mater Dei, com Covid-19. Ainda conforme a publicação, Diego Andrade, líder do PSD na Câmara, estaria fazendo tratamento com Cloroquina. Nossa reportagem fez contato com várias pessoas ligadas diretamente do deputado Diego Andrade. A informação que apuramos é que ele está bem, está se recuperando e deve continuar seu tratamento em isolamento domiciliar a partir desta segunda-feira. Atualização O assessor Luiz Antônio Diniz, popularmente chamado de Baratinha, não confirmou que a internação do deputado

Vacinação contra Febre Aftosa está mantida, informa o IMA

O Instituto Mineiro de Agropecuária – IMA, confirmou nesta semana que o calendário de vacinação contra a febre aftosa está mantido! O produtor rural deve ficar atento aos prazos. A primeira etapa da campanha começou no dia 1° de maio e vai até o dia 30 de junho. Conforme o cronograma, deverão ser imunizados bovinos e bubalinos de todas as idades. O Escritório Seccional de Três Pontas se encontra fechado por motivo da pandemia de Covid-19. Também e possível declarar a vacina via Portal do Produtor e no site www.ima.mg.gov.br. O produtor que tiver dificuldade ou dúvida pode ir ao

POLÊMICA: Pais de alunos da zona rural vão à Câmara e ao Ministério Público contra fechamento de escolas

Recentemente foi anunciado o fechamento de três escolas na zona rural de Três Pontas: Lolita Brito Dias na Fazenda Caxambu; Walda Tiso Veiga na comunidade das Pitangueiras; e Sobradinho, na Fazenda Sobradinho. A alegação da Secretaria Municipal de Educação é de que essas escolas contam com poucos alunos e uma despesa alta para mantê-las. Assim, de acordo com determinação de um conselho ligado ao Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação), será feita a nucleação do ensino referente a essas unidades, inclusive com horário integral na Escola Prof. Vieira Campos, na Fazenda Bananeiras, para onde os alunos serão levados a partir da próxima segunda-feira, dia 3 de agosto. A Prefeitura afirma que os pais foram comunicados e que, inclusive, aprovaram as mudanças, mediante assinatura de um documento.

Mas na manhã desta quarta-feira (29), na Câmara Municipal, o que se viu foi bem diferente. Pais desses alunos estiveram no Plenário para cobrar uma resposta por parte da Secretaria Municipal de Educação, que não compareceu, segundo informações colhidas no local, alegando que só compareceria, conforme determina a lei, se recebesse um comunicado oficial.

A frente desses pais, estava a proprietária da Fazenda Caxambu, onde está localizada a Escola Lolita de Brito Dias, que já teve a escola fechada. Carmem Lúcia Chaves de Brito, popularmente conhecido por Ucha, soltou o verbo, falou ao Conexão sobre essa situação preocupante na Educação local:

“Na verdade, desde o dia em que o secretário municipal de Educação, Sr. Erik dos Reis Roberto, foi nas três escolas para fechá-las, nós começamos a nos mobilizar para tentarmos ser ouvidos pela Administração Pública. Na verdade essas mães não foram ouvidas, apenas foram comunicadas de que essas escolas seriam fechadas. Eu estava presente na conversa na minha fazenda e realmente nem houve conversa. Era apenas um comunicado de que de fato aquela escola e outras duas estariam fechando. O Prefeito deu uma série de justificativas, econômicas, administrativas, etc. E ainda disse que quem resolveria essa situação era o Conselho de Educação, que ele não poderia resolver nada. Desde então nós estamos atrás desse conselho que, na própria Secretaria Municipal de Educação, ninguém sabe quem é, se existe, onde está sediado, etc. Mesmo assim nós protocolamos um documento que o Prefeito já deve ter recebido. Alguns vereadores começaram a nos procurar e sugeriram uma reunião e assim pedimos a presença do Prefeito Paulo Luís, desse tal Conselho de Educação e também da Secretaria Municipal de Educação. O objetivo era encontrar um caminho. Na reunião da semana passada os pais compareceram em peso. E ficou decidido que seria realizada uma outra reunião no dia de hoje e que eles (Executivo) seriam convidados mais uma vez, já que na primeira não compareceram. E novamente eles não vieram. Estamos saindo daqui e indo ao Ministério Público”, explicou.

Ainda segundo a Sra. Ucha, eles estão de posse de um documento federal, Lei 12.960, de 2014, que num parágrafo único trata justamente do fechamento das escolas de campo, escolas indígenas e quilombolas, onde essa lei não estaria sendo respeitada pelo Executivo Municipal. E justamente por isso, se dirigiram até o Ministério Público de Três Pontas para pedir providências nesse caso, já que as aulas, na “nova escola”, como anunciado, começam na próxima segunda-feira (3).

Sra. Ucha mostrando a lei federal citada na reportagem.

“A lei diz que ‘qualquer fechamento dessas escolas deverá ser precedido de manifestação no respectivo órgão normativo do sistema de ensino, que considerará a justificativa apresentada pela secretaria de educação, análise e impacto da decisão e a manifestação da comunidade escolar’. Isso é uma lei. E eles (Secretaria Municipal de Educação) não estão seguindo nenhuma linha desta lei. Nós queremos entender. E eles justificaram a não vinda aqui na Câmara para conversar conosco por conta de uma lei municipal, que deveria ser feita uma comunicação preliminar. Disse que o presidente da Câmara está doente, etc. Quer dizer que eles têm uma justificativa para uma lei municipal. Muito bom! Mas porque eles não estão cumprindo uma lei federal? Tomar uma decisão dessas, como eles tomaram, sem ouvir os envolvidos, como os pais de alunos, é simplesmente catastrófico. Que projeto político pedagógico é esse? Tudo que envolve a educação deve ser feito em consenso, sentar com todos e discutir. O projeto é fantástico? A nucleação é importante? Pode até ser, mas quem conhece são somente eles. Nós não conhecemos. Queremos que eles conversem com a gente. Agora, fechar uma escola, ou pior, três, no meio de um ano letivo é um absurdo”, disparou.

Bem articulada, Carmem Lúcia lembrou ainda que há alguns meses atrás a Prefeitura realizou melhorias nessas três escolas, agora fechadas.

“Meu Deus! Eles botaram dinheiro público lá. Reformaram as escolas todas, colocaram dinheiro. Segundo algumas comunidades, o Prefeito Paulo Luís esteve presente e fez promessas para as crianças. E no meio do ano, simplesmente fecha as escolas sem conversa, sem nada? O Prefeito me disse que esse fechamento partiu de uma determinação do Fundeb e que ele não poderia fazer nada. Não conseguimos descobrir até agora quem é esse conselho. Há sempre justificativas para não falarem com a gente e a situação só se agrava. Tudo o que a gente quer é conversar com essas autoridades. É o mínimo de respeito e dignidade que eles devem dar às crianças e aos pais de alunos. Muitos deixaram o trabalho na roça pra vir aqui e não foram novamente recebidos. Isso não é justo. Hoje sabemos que o que sobra para o Município fazer é Educação e Saúde, porque o restante já passou pra outras esferas. Temos problemas gravíssimos de transporte com crianças na zona rural. Crianças ficam perdidas na estrada por conta de transporte que não aparece. Ônibus sem cinto de segurança e outros tantos problemas. A nucleação deveria ser feita por regiões onde o homem do campo não optou por estar lá. Mas em regiões habitadas como as nossas, não dá. Estamos minimizando os problemas da área urbana, nos mantendo no campo. Ninguém ouviu se as mães querem os filhos o dia todo na escola”, pontuou.

Ainda conforme a Sra. Ucha, essas comunidades atingidas pela nucleação somam 178 crianças que já não mais dentro da escola.

Após o comparecimento à Câmara, a representante Sra. Carmem Lúcia e as mães de alunos se dirigiram até o Ministério Público. Lá foram ouvidos inicialmente pelos atendentes que solicitaram que eles aguardassem a chegada da Promotora Dra. Ana Gabriela Brito Melo Rocha, que tomaria conhecimento sobre os fatos e que posteriormente repassaria alguma decisão à imprensa.

O que disse o Prefeito?

Na semana passada, o Conexão conversou com o Prefeito Paulo Luís que deu sua versão para o caso:

“Ninguém está fechando escola nenhuma. Louco daquele agente público que queira fechar uma escola. É muito bonito as pessoas em época de eleição prometer o mundo e os fundos. Prometem segurança, escola, educação e saúde. Mas fechar escola é inconcebível. O que eu estou fazendo, junto do meu vice Erik dos Reis Roberto, secretário municipal de Educação, é pensar no bem estar do aluno. Como os próprios pais já reivindicaram, nosso desejo é criar escolas de horário integral, para dar mais educação e tirar as crianças e os adolescentes das ruas. Já existe em Três Pontas o período integral. E quero deixar claro que o que nós estamos fazendo se chama nucleação. Nós não temos condições na atual administração de manter uma escola com apenas 22 alunos, como está acontecendo. E lá tem 10 serviçais. E aí tem gente que diz que o governo manda o dinheiro. Cadê? Eu não sei onde está. Nós temos que nuclear e o aluno vem em primeiro lugar. Não estou preocupado com os críticos e sim com os alunos”, comentou.

Lembrando que as aulas recomeçam na próxima segunda-feira e alguma definição deve acontecer, obrigatoriamente, nós próximos dias.

Sobre o autor

3 Comentários

  1. Pietro Responder
  2. HÉRCULES CRISTO Responder
  3. Márcia Campos Responder

Reply

shop giày nữthời trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautifulgiay the thao nugiay luoi nutạp chí phụ nữhardware resourcesshop giày lườithời trang nam hàn quốcgiày hàn quốcgiày nam 2015shop giày onlineáo sơ mi hàn quốcshop thời trang nam nữdiễn đàn người tiêu dùngdiễn đàn thời tranggiày thể thao nữ hcm